A navegar na categoria

Gestão de Empresas

BMS Gestão de Empresas

Novas tendências nas compras online

As compras online ocupam cada vez um espaço maior no consumo, o retalho tradicional não consegue contrariar esta tendência e até certo ponto começou a incorporar na sua estratégia a existência de lojas online como um complemento ao retalho.

Num mercado de mudanças rápidas, podemos detetar 3 tendências importantes que todos os empresários devem acompanhar.

Personalização.

Criar produtos ou serviços personalizados para os clientes é uma das tendências mais importantes. Esta tendência reflete-se em produtos adaptados perfeitamente ao gosto,  tamanho, ou até em edições especiais assinalando momento importantes.

O mobile torna-se a referência.

65% das compras durante a Black Friday foram feitas através do acesso móvel e pensa-se que irá continuar a aumentar. Sites adaptados à experiência móvel e telefones mais evoluídos contribuem para este crescimento imparável. Outra tendência a acompanhar, o Voice Commerce, promete trazer uma revolução com softwares como Siri, Alexa ou Google Now, a possibilitarem compras através de comandos de voz.

Comprar sem deixar a App.

Até há pouco tempo comprar enquanto se estava numa App social era complicado. Acabávamos por ter uma experiência semelhante a quando se passeia numa zona com lojas encerradas, onde olhamos para os produtos em montras, mas as lojas estão encerradas e não podemos comprar.

As aplicações perceberam o problema e evoluíram, Facebook, Instagram ou Pinterest encontraram soluções para que se possa comprar sem necessidade de abandonar a App. O objetivo é sempre incentivar à compra por impulso, não dando tempo aos utilizadores de pensarem longamente sobre a compra.

Software integrado para acompanhar todos os processos.

SageX3 disponibiliza uma vasta gama de funcionalidades integradas, permitindo a integração de aplicações especializadas Sage e de parceiros certificados.

Acompanhem todos os processos da empresa, da compra online ao stock em armazém, da gestão financeira à produção e distribuição.

Cada vez é mais importante conseguir ter uma visão completa da empresa, respondendo aos impulsos de compra dos consumidores e adaptando a resposta da empresa às necessidades do momento.

BMS Gestão de Empresas

Empresas e produtos tecnológicos em risco

O mundo das tecnologias funciona da mesma forma que o mundo natural, as inovações têm um tempo de vida limitado. Surgem, recebem melhoramentos e acabam por ser substituídas para outras inovações.

Hábitos de consumo, alterações no comportamento humano, modas e descobertas tecnológicas, levam ao aparecimento e à morte de tecnologias. Nem sempre é fácil prever quais as tecnologias que irão perecer, são movimentos extremamente rápidos.

 Apple iPods.

Outrora um dos bestsellers da Apple, a empresa tem vido a decrescer o seu investimento neste produto. A verdade é que a maioria das pessoas passaram a ouvir música no seu iPhone ou por streaming. Alguns dos  utilizadores lamentam este descontinuar de um produto iconico para  qual ainda encontram utilidade (mais leve para correr e outras atividades).

Concorrentes da Amazon.

A Amazon tem provado uma capacidade de invadir o mundo, o seu conglomerado está presente em áreas tão distintas quanto casas inteligentes, industria farmacêutica, ou entrega de mercearias. A consequência mais marcante deste crescimento, um efeito demolidor da concorrência. Aqueles que resistem procuram estabelecer parcerias com outras empresas.

Oferta inicial de moeda (ICOs).

No decorrer deste ano, a oferta inicial de moedas (ICOs) tornou-se uma alternativa aos modelos tradicionais de financiamento. Apesar de terem arrecadado um total de 3 biliões de dólares, mostraram ser extremamente voláteis, e algumas vezes parte de fraudes. Devida a alguns escândalos os reguladores a dar atenção a este tema e espera-se que ainda este ano as ICOs sofram alterações profundas.

Acompanhar os desafios tecnológicos.

Vivemos num mundo de mudanças profundas e como tal devemos acompanhar as tendências tecnológicas, aproveitando todo o potencial que oferecem.

Sage 100c é um software de ERP que permite manter a informação da sua empresa, para já, em Private Cloud, com backup garantido e seguro e com acesso a partir de qualquer lugar. Sem necessidade de atualizações ou investimento em servidores, este software simples, rápido e fácil de implementar, uma solução de ERP para o empresas que querem fazer parte do entusiasmante futuro.

 

 

 

 

 

 

 

 

BMS Gestão de Empresas

Mudanças de CEO em empresas marcantes

O ano que passou foi palco de grandes mudanças em algumas das empresas mais marcantes, com saídas de lideres históricos dessas empresas. Neste artigo vamos ver alguns dos casos mais populares, e o que podemos aprender com estes casos.

Provavelmente um dos casos mais discutido de 2017, estão relacionados com a empresa c Uber. Uma série de escândalos mediáticos acabaram por ditar o afastamento do CEO, Travis Kalanick.

Polémicas mediáticas.

Depois de o CEO se ter mostrado como conselheiro económico do Presidente Donald Trump, a disponibilidade da empresa para romper o bloqueio de taxistas relacionado com os protesto após  Travel ban, deram origem a uma campanha mediática sob o lema #DeleteUber.

Em fevereiro a empresa estava envolvida em novo escândalo com o relato de uma antiga engenheira denunciando a situação de assédio sexual e discriminação na empresa. No seguimento de uma investigação, mais de 20 funcionários foram despedidos com uma completa remodelação dos valores de empresa.  acabou por se retirar, embora continuando membro do conselho.

Os mais críticos observaram que “quem semeia ventos, colhe tempestades” que a empresa procurou sempre o crescimento rápido e os resultados imediatos, sem preocupações com a segurança e respeito pelos seus colaboradores.

Resultados dúbios e uma compensação generosa.

A CEO da empresa Yahoo, Marissa Mayer, direcionou os investimentos para um maior foco no digital e no mobile , sem que tivessem conseguido atingir bons resultados.  A empresa sofreu várias quebras de segurança, colocando em causa a segurança de dados dos seus utilizadores. Com a venda da empresa, acabou por sair com um acordo generoso de 260 milhões de dólares.

Apesar de existirem dúvidas sobre a sua prestação, o seu afastamento resultou extremamente rentável. Podemos afirmar que nem sempre os resultados atingidos dependem diretamente do mérito, as circunstâncias do momento são muito importantes.

Subornos e uma condenação judicial.

Depois de 32 anos na empresa, o CEO da Samsung Electronics entregou a sua demissão após a prisão do herdeiro deste império. Condenado por corrupção, gerou um consternação no seio da empresa.

Ao entregar a sua demissão aludiu em comunicação interna sobre a necessidade de uma nova liderança para estes novos tempos de rápidas mudanças. Deste exemplo podemos apreender um exemplo de liderança forte, que compreende quando a empresa à qual dedicou a sua vida necessidade de uma visão, e de que essa visão terá de vir de alguém mais jovem.

Liderança com transparência e responsabilidade.

SageX3 está a mudar a forma como as empresas competem e crescem, proporcionando uma gestão mais rápido, simples e flexível a nível financeiro, cadeia de suprimentos e produção, tudo isso por uma fração do custo e da complexidade dos típicos sistemas empresariais de ERP. 

Os caminhos e decisões de um CEO podem nem sempre ser fáceis, mas para gerir uma organização ágil, há que contar com um ERP de última geração, para tomar as melhores decisões e acompanhar todas as áreas da empresa de forma vigilante.

 

 

 

 

 

Gestão de Empresas

5 Dicas para aumentar o crescimento da empresa

Lançar e ajudar um negócio a crescer não é uma tarefa fácil e por vezes os empreendedores sentem uma ligação emocional muito forte ao seu projeto, gerando dificuldades em delegar tarefas e em demonstrar confiança nos colaboradores.

Pode ocorrer que demasiado apego ao projeto acabe por ser prejudicial, impedindo a empresa de crescer e por isso deixamos 5 sugestões para que tal nunca aconteça.

Confiar na equipa.

É importante dar espaço à equipa e monitorizar o trabalho com alguma distância. Enquanto a equipa trabalha no marketing, cabe ao CEO pensar na evolução da marca e para se dedicar às suas tarefas, tem de deixar a sua equipa fazer o trabalho de que foram incumbidos.

Escutar conselhos dos mais próximos.

Não é invulgar que por vezes alguns dos nossos próximos tenham conselhos relevantes para o nosso negócio. A dedicação completa ao projeto pode fazer com que acabem alienados daquilo que a maioria das pessoas deseja.  Seja uma esposa ou amigos próximos, é importante escutar o ambiente.

Aceitar as nossas falhas.

Nem sempre somos aquilo que pensamos, é bastante útil ter um bom autoconhecimento, reconhecer as falhas e encontrar colaboradores que consigam lidar bem com essas características.

Esquecer tudo o que pensamos saber.

Por vezes existem ideias ligadas ao projeto original, que perduram apesar do mercado enviar uma mensagem contrária. É importante saber quando deixar as normas definidas, aceitando que uma empresa é como um organismo vivo que se deve adaptar.

Procurar ajuda especializada.

O crescimento da empresa implica por vezes recorrer a outras pessoas que ajudem a desenvolver de forma equilibrada, dividindo as responsabilidades e conseguindo uma maior eficácia.

Encontrar um software de ERP adaptado às necessidades da empresa também é um auxilio fundamental. Sage X3 está a mudar a forma como as empresas competem e crescem, proporcionando uma gestão mais rápido, simples e flexível a nível financeiro, cadeia de suprimentos e produção, tudo isso por uma fração do custo e da complexidade dos típicos sistemas empresariais de ERP.

 

 

 

Gestão de Empresas

Dicas para evitar um crescimento desequilibrado

Algumas empresas tecnológicas inovadoras e apelidadas de geniais, não conseguem ser lucrativas. Apesar terem conseguido captar milhões em investimento e do seu rápido crescimento ao longo dos anos, mantêm uma situação deficitária.

A Snaptchat reconheceu que 2016 tinha perdido meio milhão de dólares, assumindo publicamente que provavelmente nunca chegaria a ser lucrativa, Uber perdeu cerca de 700 milhões, e a situação da empresa Dropbox não é melhor.

Nas empresas de hardware as dificuldades parecem ser ainda maiores, os custos de construir algo são exigentes e o reconhecimento público do papel inovador destas empresas não substitui a necessidade de resultados.

Manter uma visão realista.

Os empreendedores e investidores devem pensar não só nas transformações que querem criar, mas também na importante missão de construir um negócio que se mantenha no ativo. Um crescimento mais lento e sustentado pode parecer algo de aborrecido, mas é a única forma de criar e manter um negócio.

Alguns pontos a ter conta:

  1. Deve existir uma razão para a existência do projeto, uma necessidade a que irão dar resposta.
  2. É importante facilitar a experiência do produto ou serviço, mas não devem temer colocar um preço adequado.
  3. Não descuidar o marketing, fundamental para os primeiros tempos de qualquer pessoa.
  4. Invistam num software necessário ao bom funcionamento da empresa, resistindo à tentação de adquirir o mais caro e atraente. Um software como Sage 100c permite ter uma visão transversal do negócio e optar pela forma de pagamento mais conveniente, entre a opção mensal ou anual, podendo mudar a qualquer momento.
  5.  Pode não parecer relevante, mas ter um espaço de trabalho, mesmo que seja em coworking é importante. Desde o inicio mantenham um equilíbrio saudável entre a vossa vida privada e pessoal. Resistam à tentação de se mudarem para um espaço novo logo que o negócio comece a crescer um pouco.

Clientes e colaboradores destrutivos.

Existem dois elementos internos que podem ser muito destrutivos para uma empresa que começa a dar os primeiros passos. Colaboradores que criam mau ambiente dentro da equipa e clientes com uma atitude negativa. Alguns clientes são abusivos e acabam por prejudicar a performance da empresa junto dos outros clientes.

Tradicionalmente as empresas pensam que não exequível dispensar um cliente, mas existem caso em que é plenamente justificado e estas situações devem ser resolvidas rapidamente.

Crescer devagar com uma base sólida, construindo uma boa equipa e uma carteira de clientes, é essencial para quem deseja construir um negócio sustentável. Pode parecer que o impacto de transformação de um projeto é menor se for construído desta forma, mas ao garantirmos a sustentabilidade futura, estamos a transformar de uma forma duradoura a comunidade em que nos inserimos.