A navegar na categoria

Recursos Humanos

Recursos Humanos

Como arranjar tempo para fazer exercício

Um novo estudo demonstra que escolher ser ativo é um trabalho mental por si só. Neste artigo, identificamos algumas formas de facilitar a incorporação de exercício no nosso dia-a-dia.

Apesar dos benefícios comprovados do exercício físico para a saúde mental, temos por vezes dificuldades em criar esse hábito. Um novo estudo, publicado na revista Neuropsychologia, descobriu que escolher realizar atividades físicas implica uma maior exigência mental do que escolher atividades sedentárias. Os nossos cérebros parecem orientados para preferir o descanso de estar deitado no sofá, ao invés de correr numa passadeira – ou até correr ao ar livre.

Estas descobertas explicam que é crucial ter estruturas estabelecidas para ajudar a manter-nos ativos. Sugerimos alguns pequenos passos que vos podem ajudar a manter um regime de atividade física.

Trocar uma parte sedentária da rotina diária por uma escolha mais ativa

Uma boa aposta para incorporar esta mudança na vossa rotina é juntá-la a um hábito já familiar. Em vez do elevador, usem as escadas; em vez de ficarem imóveis enquanto lavam os dentes, passeiem-se um pouco pela casa. Como estão anexadas a hábitos que já têm, são mais fáceis de transformar numa rotina.

Identificar a parte mais frustrante e stressante da semana e planear exercício logo a seguir

Comecem por apontar um momento de maior stress na vossa semana, como uma reunião semanal ou uma tarefa em específico. Comprometam-se a fazer algum tipo de atividade física imediatamente a seguir. Pode ser algo tão simples como descer as escadas do escritório e dar uma volta ao quarteirão, ou algo mais estruturado como uma ida ao ginásio ou uma corrida. Sentirão um efeito de relaxamento imediato.

Fazer exercício enquanto veem televisão

Esta proposta é mais indulgente pois contorna a preguiça. Há muitos exercícios que podem fazer enquanto sentados ou deitados a ver um programa de televisão – exercícios de pilates para pernas são particularmente adequados porque não exigem que se mova o torso e não interrompem a vossa série. De cada vez que veem uma hora de televisão, dediquem os primeiros 20 minutos a fazer exercício simultaneamente.

Incorporar exercício no trabalho

O exercício físico não precisa de ficar à porta do local de trabalho. Muitas empresas trazem atividade física para dentro do escritório, com aulas de grupo antes do horário de trabalho, ou encorajam o combate ao sedentarismo, estabelecendo parcerias mais económicas com ginásios.

Uma solução de gestão de Recursos Humanos, como as oferecidas pela Sage, pode facilitar a introdução destes pequenos momentos junto dos vossos colaboradores. É fundamental promover a satisfação da equipa, com um bom acompanhamento constante. Promovam a boa saúde mental e física e surpreendam-se com os efeitos benéficos para a empresa.

 

Recursos Humanos

Como encorajar a criatividade dentro da empresa

As empresas têm de se manter inovadoras para continuarem a ser competitivas no mercado. Esta ideia conduziu a que se começasse a questionar quais os elementos decisivos na criação de um ambiente inovador.

Como se caraterizam os inovadores?

Normalmente associa-se a criatividade a pessoas enérgicas e comunicativas mas a investigação veio demonstrar que a ideia do criativo com uma personalidade expansiva não corresponde na maioria dos casos à realidade. Muitos dos criativos podem ser descritos como pessoas introvertidas.

Um bom recrutamento

É importante recrutar colaboradores com interesse por resolver problemas específicos das funções que irão assumir no seio da empresa. E que, de preferência, sintam um envolvimento pessoal com os temas que irão trabalhar.

Promover um ambiente são

A liberdade de expressão de opiniões, sem receio de represálias, parece ser um dos factores favoráveis que é possível identificar. Um ambiente saudável promove a capacidade de aprendizagem e a descoberta de soluções criativas.

As equipas em que todos os elementos participam em grau semelhante alcançam em geral melhores resultados que as dominadas apenas por um ou dois elementos criativos.

Valorizar o trabalho de equipa

Para valorizarmos o trabalho de equipa, é importante conseguir realizar um bom acompanhamento. O software da Sage Recursos Humanos auxilia as empresas no acompanhamento de equipas, seja através de uma política de formação, seja melhorando a gestão de talentos ou identificando o colaborador certo para cada função.

Em resumo

Nestes termos, pode-se afirmar que as melhores equipas não dependem de um único elemento brilhante mas da boa colaboração entre elementos diversos.

 

 

 

Recursos Humanos

Como atrair colaboradores a uma escala global?

Em nenhum momento da história das empresas foi mais importante captar talento global. Cada vez mais existe uma força de trabalho que, devido às suas capacidades, trabalha além-fronteiras, aproveitando oportunidades e explorando o seu potencial em pleno.

A possibilidade de trabalhar online permite que, a partir de qualquer localização, se preste serviços a várias empresas. Em resultado, empresas de topo competem entre si para atrair os principais talentos.

Governos e empresas unidos na atração de talento

As organizações sabem que necessitam de todo o talento disponível para se manterem no topo, num contexto em que as mudanças são cada vez mais rápidas.

Um dos melhores exemplos de cooperação entre um governo e empresas privadas acontece na Estónia. Este país apostou no desenvolvimento de hubs tecnológicos e criou uma e-residência para todos os que estejam interessados em trabalhar e desenvolver empresas na Estónia.

Quais os destinos que atraem mais talento?

Um estudo da Universidade de Cambridge e Launchfield procurou identificar os fatores decisivos para a mobilidade num inquérito que abarcou 2100 profissionais.

Londres e a Europa

No topo continua a cidade de Londres, indicada como a principal para startups e hubs tecnológicos. Oportunidades de trabalho e cultura eram as principais razões apontadas para tornar Londres tão atraente.

Igualmente bem posicionadas estão Tallin, Berlim, Barcelona e Estocolmo. Tallin e Estocolmo têm taxas de criminalidade baixas, o que é um outro fator mencionado como atrativo. A circulação entre fronteiras nestes países europeus é bastante mais fácil.

Singapura, fácil para criar empresas

Esta cidade é provavelmente o mais importante pólo em tecnologia e inovação, ultrapassando cidades como Nova York ou São Francisco. Beleza natural e uma forma de trabalhar e realizar negócios com pouca burocracia parecem ser os principais motivos deste sucesso.

Recursos Humanos

As empresas de topo e os seus departamentos de Recursos Humanos devem estar atentos à necessidade de atrair talentos a um nível global. Um software de RH adaptado a uma grande empresa é fundamental para fazer um acompanhamento de equipas situadas em vários locais, com diferenças a nível de legislação laboral.

A Sage tem soluções de Recursos Humanos adaptadas a grandes empresas que permitem valorizar e fidelizar colaboradores, identificando o perfil certo para cada cargo ou missão.

 

 

 

 

 

Recursos Humanos

Team building: saiba como criar equipas coesas

São cada vez mais as empresas apostam em ações de team building, muitas vezes investindo bastante tempo e recursos nestas atividades. Pensadas para criar um sentimento de proximidade e espírito de equipa, não são invulgares os casos em que os colaboradores sentem oposto.

Pressionados para realizar atividades que não desejam, acabando por sentir embaraço e desmotivação. Atividades que podem ser extremamente divertidas, mas não criam uma ligação entre colegas que resista perante a tensão do trabalho quotidiano.

O que impede uma melhor colaboração?

Uma boa colaboração não surge a partir de um contexto de o estabelecimento de uma relação de confiança, mas de num primeiro momento existir uma consciência das motivações individuais.

Diversas investigações parecem indicar que as empresas recrutam e incentivam a que os seus colaboradores, sejam orientados para ação, com um foco em resultados concretos. A avaliação que é realizada é baseada numa escala que premeia estes elementos, criando organizações que no seu interior cooperam mal.

No geral, os colaboradores não veem as tarefas de cooperação como algo prioritário, com objetivos vagos e sem regras claras. A atribuição de responsabilidades pelo sucesso da colaboração é bastante mais difícil, e a recompensa por um bom trabalho realizado também.

Formas de melhorar a colaboração

A liderança deve dar um claro sinal da importância das tarefas colaborativas, criando um quadro específico e motivador. Abordar a equipa através de algumas questões pode ser uma forma de estimular o debate entre a equipa para uma maior consciência da necessidade de uma colaboração eficaz.

  • Trabalhar em colaboração é fundamental para atingirem os objetivos estipulados?
  • Quais os trabalhos que exigem uma boa colaboração para atingirem bons resultados?

Em relação à atribuição de responsabilidade, pode ser um exercício interessante colocar a discussão e elaborar uma lista de comportamentos desejados. No final, a criação de um plano que procure a longo prazo continuar a melhor a colaboração, integrando estes compromissos como parte dos seus objetivos.

Um software de Recursos Humanos

Contar com um software de Recursos Humanos, permite promover um espírito de equipa, através de um acompanhamento do desenvolvimento do talento individual, e de uma análise do trabalho de cooperação. A Sage tem soluções de software para Recursos Humanos adaptadas às necessidades de cada empresa, para que a gestão de equipas seja mais simples e eficaz.

 

 

 

 

 

 

 

 

Recursos Humanos

Gerir equipas globais – 2ª parte

Gerir equipas globais comporta vários desafios para as empresas. Diferenças culturais, linguísticas, fusos horários e outros fatores, podem dificultar a gestão dos colaboradores afetando a produtividade.

No artigo de hoje, damos continuidade a algumas sugestões sobre como ultrapassar estas dificuldades.

Igualdade de oportunidades na equipa

Estejam atentos aos vários tipos de reuniões e ao conjunto da comunicação, de forma a que todos os colaboradores tenham oportunidade de participar. É importante que toda a equipa se sinta incluída e seja incentivada a participar.

Reconhecimento pela performance

Expressar reconhecimento aos colaboradores, elogiando o bom trabalho. Demonstrar apreço aos colaboradores de forma remota pode implicar um pouco de mais trabalho, mas o impacto na moral das equipas é significativo e não deve ser descuidado.

Construção de uma cultura comunitária

Os valores da empresa são cada vez mais relevantes para criar um sentimento de comunidade. A existência de uma política de responsabilidade social e ambiental motiva as equipas de uma forma que complementar. A partilha de uma ética comum unifica uma equipa dispersa por vários locais, criando uma força trabalho mais dedicada.

Investir na equipa

Uma a duas vezes por ano, criem momentos em que se encontram presencialmente com os membros da equipa geograficamente distantes. Se estiverem no espaço europeu, é possível realizar viagens em apenas um dia, com grandes benefícios para a motivação e para a construção de uma melhor relação.

Outra ideia a considerar, passa por reunir toda a equipa num local uma vez por ano. Uma ocasião para formação, brainstorming e para o desenvolvimento de um sentimento de grupo.

Um software de Recursos Humanos

É fundamental acompanhar a evolução e a satisfação dos colaboradores com uma solução de Recursos Humanos.  A Sage tem várias opções em software de RH que apoiam o desenvolvimento do talento no seio da empresa, rápido de implementar e ajustado às necessidades específicas do seu negócio.

Em conclusão

Devem mostrar que valorizam a totalidade da equipa, ultrapassando as condicionantes relacionadas com a dispersão geográfica. Um trabalho que implica algum esforço, mas com um retorno para a empresa e para os colaboradores extremamente positivo.

Leia a primeira parte deste artigo aqui.