Browsing Tag

Equipa

Recursos Humanos

O caminho a seguir na construção de uma equipa – Parte I

Sabemos que o sucesso de uma empresa não depende apenas de uma boa ideia. Para potenciar e concretizar o vosso negócio, precisam de uma equipa feliz, sólida e… escolhida a dedo. Como nem sempre é fácil encontrar o colaborador ideal para a vossa empresa, deixamos um conjunto de conselhos para construírem e gerirem uma equipa de trabalho.

Definir uma equipa à imagem do vosso negócio

Sempre que decidirem contratar um colaborador, tomem a vossa decisão tanto com base na atitude, mentalidade e valor pessoal, como nas suas competências e aptidões técnicas. Um colaborador pode adquirir novas competências em qualquer altura, mas o perfil pessoal é imutável.

Encorajem toda a gente a partilhar as suas ideias. Os vossos colaboradores vão-se sentir mais alinhados com o espírito da empresa e sentir que podem ajudar a mudar e melhorar o ambiente laboral.

Uma comunicação clara e contínua entre todos os elementos da equipa também ajuda a manter um ambiente positivo no local de trabalho. Além disso, é uma forma eficaz de exponenciar o sentimento de pertença dos trabalhadores.

A diversidade é sempre uma alavanca para o vosso negócio. Uma equipa diversa está mais bem preparada para trabalhar com uma base de clientes alargada. E lembrem-se: a diversidade vai muito além da idade, raça ou crença – o contexto socioeconómico e a forma de pensar também são importantes.

Encontrar a pessoa certa

Sejam corajosos. Não se limitem a apostar na escolha mais segura e estejam preparados para pensar olhar para lá do óbvio. A diferença deve ser bem-vinda e não temida. O software Sage X3 People pode ajudar-vos a encontrar o candidato ideal para a vossa equipa, gerir carreiras prometedoras e fidelizar colaboradores.

Tenham em conta que é impossível saber de onde vem a próxima grande ideia. Algumas das maiores inovações na indústria automóvel, por exemplo, surgiram de ideias dadas pelos trabalhadores das fábricas e não pelas chefias.

O networking também é muito importante. Aproveitem estes contextos para conhecer pessoas novas através de contactos antigos, que estejam conscientes dos vossos valores e ideias.

Gestão de Pessoas

Como dar as boas vindas a novos colaboradores

A integração de um novo colaborador numa empresa é um momento crítico no seu percurso. São confrontados com novas formas de trabalho e com novas dinâmicas de equipa. Agora é o momento de darem as melhores boas vindas ao vosso negócio!

Hora da aula

O maior custo de introdução de um novo elemento numa equipa é o tempo de formação. O período de aprendizagem até o vosso colaborador se tornar produtivo é o momento mais dispendioso. No entanto, este instante não deve ser apressado pois pode ter um valor acrescido. Ao aprender novos procedimentos, podem questionar métodos e dar novas ideias que venham inovar o vosso negócio.

Envolver os vossos colaboradores mais séniores na formação dos juniores é uma ótima forma de demonstrar confiança no seu trabalho e potenciar uma aprendizagem prática e de qualidade.

Ofereçam benefícios

Até para atraírem os candidatos durante o recrutamento, devem estruturar uma oferta de benefícios para os colaboradores. Podem ser também esses benefícios que retêm o talento que o vosso negócio já tem.

Apresentem regalias de acordo com cada pessoa. Alguns preferem dinheiro, outros perspetivas de carreira, ou ainda envolvimento na gestão do negócio. Por fim, não descartem a vertente humana de melhorar as condições do escritório ou de se manterem interessados na família dos vossos colaboradores.

Envolvimento direto

É essencial que os colaboradores sintam que fazem parte do negócio pois são a sua alma. Podem ter o melhor produto do mundo mas, sem pessoas apaixonadas pelos vosso negócio, o entusiasmo e esforço diminuirão.

A Sage oferece várias soluções de Recursos Humanos para providenciar a melhor experiência de trabalho para a vossa equipa.

 

Sage Enterprise Management

Prontos para otimizar a vossa vida apressada?

Todos os profissionais de alto desempenho sonham com o dia de mais de 24 horas! No entanto, sabemos que excesso de trabalho pode levar a esgotamentos e é preferível manter-se um estilo de vida saudável, tanto no âmbito pessoal, como no vosso negócio. Vamos explorar quatro formas de otimizar os vossos hábitos.

Robin Connelley e John Stanton são dois investidores que decidiram lançar Chōsen Experiences, um negócio de otimização de estilo de vida, após lidarem com esgotamentos devido a excesso de trabalho. Aqui temos os seus conselhos para uma vida mais plena.

Respeitar os vossos próprios valores

Comecem por dedicar algum tempo a determinar as vossas prioridades. Observem a vossa relação convosco mesmos, com os outros à vossa volta – estão a respeitar os princípios pelos quais se querem reger? Desenhem uma abordagem que vos permita viver esses valores a tempo inteiro. Definam os objetivos que vão guiar o vosso futuro nas áreas mais importantes, saúde física e mental, relações pessoais, crescimento pessoal, para além da carreira. Quem estrutura a própria vida com respeito pelas próprias vontades é mais feliz, mais saudável e tem uma melhor performance no dia-a-dia laboral.

Ouvir o vosso corpo

Assim que acordem, antes de ligarem o vosso smartphone, dediquem-se a uma tarefa mais íntima. Apreciem todas as sensações do vosso corpo, o que querem dizer e considerem como devem agir em relação às mesmas ao longo do dia. Talvez precisem de uma grande sessão de treino, uma caminhada, uma ida ao fisioterapeuta ou alguma alteração na vossa alimentação. Esse compromisso em respeitar o vosso corpo terá um grande impacto no vosso dia, aumentando a vossa produtividade.

Ouvir as vossas emoções

“Presença, Propósito e Intenção” é a abordagem recomendada no dia-a-dia. Reconheçam o presente e mantenham-se focados apenas nele. Quer seja uma reunião de trabalho, uma festa de anos ou um momento de relaxamento, estabeleçam um propósito para cada momento e respeitem-no. Desta forma, mantêm-se presentes no momento e a honrar a vossa intenção para cada momento do dia. Esta ação interior pode até ser aplicada no âmbito de trabalho, para que qualquer ângulo de comunicação do vosso negócio respeite os vossos valores e missão.

Criar relações fortes com a vossa comunidade

A vossa comunidade reflete-se mais na vossa vida do que, por vezes, parece. Pessoas saudáveis, conscientes dos seus valores e emoções, são pessoas com quem conseguem trocar e testar ideias, partilhar perspetivas. Assim que nos abrimos a considerar aquilo que se passa para lá da nossa experiência, estamos no bom caminho para criar mudança no mundo.

Aplique os princípios de um estilo de vida interior saudável com a Sage X3 People. Promovam os Recursos Humanos do vosso negócio com gestão de formação, de carreias e também administrativa e de salários.

 

Gestão de Pessoas Sage Enterprise Management

Como gerir uma equipa passivo-agressiva

Há dias de trabalho que antecipamos que sejam calmos mas nos surpreendem. A vossa equipa deveria ser apresentar resultados, como acordado, mas não estão a responsabilizar-se pelo projeto. As suas ações não coincidem com o seu discurso, ou seja, a descrição clássica de comportamento passivo-agresssivo.

Estejam atentos às seguintes atitudes: sabotagem dos esforços do outro; procrastinação; entrega de trabalho medíocre; desvalorização de urgência do trabalho; falta de compromisso; queixas ou distribuição não fundamentada de culpa.

Lidar com este tipo de equipas é desafiante. Este tipo de situações exigem um tratamento direto e aqui temos algumas ações a tomar.

  1. Olhem-se no espelho

Deem um passo atrás para compreender e analisem o vosso comportamento, como gestores. Comecem com um momento de introspeção. Analisem como podem ter contribuído para o comportamento negativo da vossa equipa.

  1. Criem um ambiente seguro

Quando as pessoas sentem que não podem expressar os seus sentimentos e pensamentos, tendem a conter emoções – impactando as suas ações ou inações. Garantam um ambiente de trabalho seguro, em que os vossos colaboradores se sintam confortáveis.

  1. Ouçam os vossos colaboradores

A passivo-agressividade pode nascer em colaboradores que não sejam consultados. Comunicação direta com a vossa equipa deve dar-vos uma noção clara daquilo que contribuiu para a vossa situação. Não devemos esquecer que sentir que a sua própria voz é ouvida contribui para um compromisso maior.

  1. Comuniquem o porquê, além do quê

Normalmente, a comunicação de objetivos nunca falha. No entanto, nem todos os gestores comunicam bem as razões por detrás de projetos. A realidade é que, quando os colaboradores reconhecem as razões por que um plano é importante, conseguem investir-se de corpo e alma.

  1. Giram expetativas

Disparidade de expetativas pode também ser causa de passivo-agressividade. Quando a informação não flui corretamente e as expetativas não são bem delineadas para cada colaborador, torna-se difícil de atingir um objetivo desfocado. Criem um ambiente em que se possa sempre clarificar e negociar expetativas de trabalho.

  1. Giram comportamento negativo

Comportamento passivo-agressivo pode acontecer tanto ao nível de equipa, como individualmente. Este tipo de atitude tem de ser apontada e, os autores, responsabilizados. Os gestores não podem ceder à passividade, pois têm que impor consequências caso as expetativas não sejam cumpridas.

  1. Fomentem a comunicação

A melhor forma de estarem informados sobre problemas e situações relativas à vossa equipa é manter todos os canais de comunicação abertos e manter relações próximas. Acompanhem de perto o trabalho e as relações, para resolverem situações assim que surjam.

  1. Não participem neste tipo de comportamento

Gestores podem espelhar o comportamento das suas próprias equipas, com os mesmos padrões negativos. Mantenham uma atitude aberta e comportamentos construtivos.

Propiciem a produtividade e colaboração das vossas equipas de trabalho, com uma solução Sage Gestão e beneficiem de um desconto de 30% na compra, até 6 de dezembro. Ajudará o serviço ao cliente e permitirá aos vossos colaboradores dar sempre o seu melhor. Ganhem tempo para promover um ambiente de trabalho saudável que alimente a estrutura da vossa equipa!

 

Sage Enterprise Management

O caminho para ter a melhor equipa de vendas

Grande parte de um negócio depende de uma equipa de vendas motivada, focada nos resultados e com um excelente desempenho. Hoje, vamos analisar como formar o melhor grupo para levar a vossa empresa ao nível seguinte.

  1. Apostem na formação

Em primeiro lugar, é essencial que invistam na vossa equipa, proporcionando formação sobre como fechar negócios e sobre atendimento ao cliente. Apostar nos vossos colaboradores vai permitir-lhes oferecer um atendimento de excelência e fechar negócios com mais eficiência.

  1. Estabeleçam objetivos

Todos nós precisamos de uma meta desenhada para nos esforçarmos até lá. Estipulem objetivos de equipa e individuais, pois gerará motivação e aumentará o rendimento do vosso negócio.

  1. Usem métricas

Meçam resultados, para que consigam acompanhar o desempenho da vossa equipa de vendas. A disseminação dos KPIs (Key Performance Indicators ou indicadores-chave de desempenho) surge da sua utilidade de medição de resultados e por possibilitarem relatórios que podem e devem ser seguidos.

  1. Criem um sistema de recompensa

O esforço dos vossos colaboradores deve ser reconhecido e é, por isso, essencial que implementem uma forma de recompensar a sua performance e, assim, aumentar o desempenho de vendas. Um formato nivelado, com diferentes prémios para diferentes proezas, incentivará a vossa equipa a tentar sempre fazer melhor.

  1. Optem por um software de vendas

Para a vossa equipa maravilha brilhar, um software de gestão integrada é essencial. Agreguem as informações necessárias para as várias facetas do vosso negócio e acompanhem atualizações em tempo real. Um software Gestão ERP da Sage  oferece relatórios de vendas que beneficiarão o trabalho das vossas equipas. Usufrua de 30% de desconto, até dia 6 de dezembro.