Browsing Tag

Negócio

Sage One

Compreender o fluxo de caixa do vosso negócio

A liquidez é a melhor amiga de qualquer negócio. Sem ela, um negócio não funciona, como nós sem oxigénio. Um relatório de fluxo de caixa é a ferramenta indicada para indicar o caminho da vossa atividade principal, como uma lista de mandamentos de negócio. Por isso, neste artigo, vamos estabelecer as noções básicas deste tema.

As regras do fluxo de caixa

A regra número um é que, em qualquer mês, devem faturar mais do que gastam. Pode parecer uma norma simples mas é um mandamento que, por vezes, escapa. A regra número dois é que a faturação tem de ocorrer no momento certo.

Um relatório de fluxo de caixa demonstrar-vos-á os vossos prejuízos e lucros. Criem uma folha de cálculo de 12 meses e estruturem um plano de vendas e de quando devem receber pagamentos.

Numa coluna seguinte, calculem o que devem pagar e quando. Considerem processamento de salários e ciclos de negócio, além de custos constantes, como renda e financiamento bancário. Devem assegurar-se que a liquidez dos meses mais gordos ajuda a cobrir os meses mais magros.

Os altos e baixos do negócio

Depressa vão descobrir, caso ainda não o saibam, que a liquidez de um negócio tende a subir e descer, como uma onda. Devem estruturar as vossas finanças de forma a que nenhum período previsível de necessidade surja em momentos de menor liquidez. A projeção de um relatório de fluxo de caixa ajuda a prever o futuro das vossas obrigações e benefícios.

Com tempo e experiência do vosso negócio, a comparação entre relatórios e vendas concretas permitirão que identifiquem momentos de maior pressão que possam ser antecipados.

Buracos financeiros antecipados

Um relatório de liquidez é como um mapa que oferece visibilidade sobre o futuro do vosso negócio. Imaginemos, por exemplo, que sabem como as vossas vendas se vão desenrolar em qualquer mês. No entanto, faturam de 30 em 30 dias e no momento da entrega do vosso produto. Isto pode significar que não recebem pagamentos durante seis semanas. Qualquer cobrança na quinta semana pode resultar num buraco financeiro que deve ser solucionado. Um relatório de fluxo de caixa possibilita compreensão do vosso mês de vendas e até antecipação de imprevistos deste tipo.

A importância de um relatório de liquidez

Liquidez é a realidade do vosso negócio e o principal fator que o permite sobreviver e prosperar. Assim, um relatório é um mapa dos meandros das finanças da vossa empreitada, desde o agente mais importante, o pagamento dos vossos clientes, e financiamento e empréstimos, até todas as despesas, de fornecedores, renda, salários e custos gerais. Não dispensem a inclusão de pagamento de impostos.

Não se esqueçam do adágio de vendas: volume de negócio é vaidade, lucro é sanidade, liquidez é realidade. Podem ter um volume de negócio grande, sem lucro ou com grande lucro, sem liquidez, devido a dívidas. Devem conhecer todos os números que constituem a realidade do vosso negócio. No entanto, é indispensável que compreendam a importância de ter uma imagem clara da liquidez da vossa empresa, para que possam jogar com valores concretos e manter o vosso negócio com sucesso.

Com Sage One, podem organizar faturação, gerar relatórios de ganhos e perdas, acompanhar as despesas de compra do vosso negócio e consultar relatórios de antiguidade de saldo de clientes e fornecedores. Mantenham-se ao corrente de todas as vossas contas!

 

Sage Faturação

A SoundCloud demorou quatro anos a permitir aos músicos tornar o seu trabalho rentabilizável

Para qualquer músico que se preze com presença online, SoundCloud é um nome muito familiar. A rede social criada em 2007 oferece uma plataforma para se partilhar músicas originais mas a sua evolução nem sempre ocorreu a uma velocidade do século XXI. Dez anos após o seu lançamento, a plataforma finalmente permitiu a rentabilização de conteúdos independentes.

A SoundCloud ofereceu diferentes produtos ao longo do tempo. O SoundCloud Go, para ouvintes, desbloqueava conteúdo licenciado, permitindo também uso offline, livre de anúncios, enquanto que o SoundCloud Pro era um serviço de subscrição para criadores, que permitia a publicação de mais músicas ainda, na plataforma, além de mais controlos de conteúdo e análises avançadas.

A partir de agora, músicos maiores de 18 anos, que paguem a comissão da SoundCloud por publicar as suas músicas originais e que obtenham 5 000 streams mensalmente, podem aderir ao programa SoundCloud Premier. A plataforma afirma que esta partilha de receitas ultrapassa a de qualquer outro serviço de streaming, apesar de não especificar valores.

Com isto, a Soundcloud pretende aumentar o seu conjunto de 20 milhões de artistas, aproveitar a sua presença para impulsionar o número de streams de músicas e pintar o site com conteúdo exclusivo que atraia ouvintes.

Mas vamos dar um passo atrás. Há um ano, a SoundCloud viu-se obrigada a reunir 170 mil milhões de dólares para evitar falência, após ter despedido 40% da sua equipa. Apesar deste revés, a dinâmica do mercado parecia estar do lado da plataforma, uma vez que, ultimamente, o rap underground, característico da SoundCloud, está a receber muita atenção.

Infelizmente, o processo lento da SoundCloud permitiu que os seus concorrentes a ultrapassassem. A Youtube Music lançou em junho um serviço de streaming com um catálogo combinando nomes de grandes editoras e conteúdo carregado por utilizadores. Por outro lado, em setembro, a Spotify passou a possibilitar que artistas independentes passem a carregar as suas músicas diretamente na plataforma.

Surgiu ainda um novo tipo de competição. Serviços de distribuição de licenciamento, como a Dubset, facilitam que as grandes aplicações de streaming publiquem remixes, DJ sets e versões ao vivo – possibilidades que apenas costumavam estar disponíveis na SoundCloud.

Ao adiar a migração do seu serviço para um formato pago e ao demorar a valorizar a sua principal força, o seu conteúdo gerado por artistas independentes, a SoundCloud permitiu que a concorrência à sua volta ocupasse os lugares onde anteriormente marcava a diferença.

Para qualquer tipo de atividade, é ideal que identifiquem o mais cedo possível a vossa característica diferenciadora. Aí, encontram o vosso valor mais importante e podem começar a rentabilizá-lo. Daí em diante, a faturação será o processo mais fácil e podem simplificá-lo ainda mais com uma solução Sage.

 

Faturação Sage Faturação

Como avaliar se uma ideia é suficientemente boa para criar um negócio

Chegado o momento em que se sentem tentados com a ideia de criar um negócio próprio, é natural que se questionem quanto à qualidade da ideia que tiveram.

No artigo de hoje, vamos sugerir alguns pontos de reflexão que irão ajudar a perceber se a ideia de negócio merece o investimento e o risco.

É um modelo de negócio que pode ser protegido através de uma patente?

Se vão basear o vosso negócio numa ideia inovadora, é aconselhável que exista uma forma de a proteger dos vossos concorrentes. Se for possível proteger a ideia por meio de uma patente estarão numa situação privilegiada.

Este fator de proteção não é determinante se a vossa ideia cumprir com os restantes pontos deste artigo.

O negócio teria de operar numa indústria com regulamentação exigente?

A regulação é importante e muito benéfica para o consumidor mas, quando se inicia um negócio, resulta num aumento dos custos que podem ser proibitivos e afetar financeiramente o plano de negócios. Estes setores muito regulados tendem a afastar os empreendedores e a inovação.

A melhor forma de se informarem sobre a regulamentação da área é contar com o apoio de um advogado e procurar pessoas que já trabalham no setor.

Já foram criadas empresas baseadas em ideias semelhantes?

Mesmo que a ideia inicial seja ligeiramente diferente, é importante conhecer como correram negócios baseados em projectos semelhantes. Esta análise permite antecipar dificuldades e perceber o grau de competição que irão encontrar no mercado.

A ideia exige um investimento inicial avultado?

É normal que um negócio que começa a dar os primeiros passos necessite de um investimento inicial avultado. O mais importante é ter conhecimento destes custos antes de tomar uma decisão, de forma a que possam decidir em consciência.

Têm uma preparação específica que dará uma vantagem ao negócio?

Será muito útil se contarem com uma preparação específica que vos auxilie no desenvolvimento do vosso negócio. Não significa que, à medida que trabalham o vosso negócio, não se dediquem a complementar o vosso conhecimento com novas formações. Na verdade, aumentam as possibilidades de sucesso, sempre que baseiam o vosso negócio numa área que é um ponto forte.

Aumentem as hipóteses de sucesso.

Um software de faturação pode aumentar as vossas possibilidades de sucesso. Analisem as necessidades do vosso negócio. A Sage tem várias soluções de faturação que respeitam as especificidades de cada empresa. Se decidirem que têm uma boa ideia, contem com Sage Faturação para transformar o sonho em realidade.

 

Faturação

6 Passos para construir uma empresa rentável

Construir uma empresa rentável é um desafio para qualquer empreendedor e neste artigo vamos abordar 6 passos fundamentais e não convencionais para atingirem os vossos objetivos.

Influencers Marketing

Aceitar qualquer proposta de negócio, mesmo que pareça pequena desde que se dirija aos seus clientes alvo, e envie uma mensagem de positiva de confiança na empresa chamando a atenção aos influencers em marketing. Este influencers são fundamentais para passar esta mensagem de confiança, o que resulta numa expansão da relações de negócio e estabelecendo referencias para o futuro.

Partilhar conhecimento.

Ter uma atitude generosa de partilha de conhecimentos, tornando-se uma referencia de estudo. Uma postura de transparência em comparação com a concorrência, é algo que envia uma mensagem positiva aos consumidores.

Catástrofes que são oportunidades.

Procurar olhar a adversidade como um estímulo e oportunidade, não recusando desafios e tentando dar resposta a todos os pedidos dos clientes.  Se o resultado for positivo irá transformar-se num caso de sucesso e gerar um feedback muito positivo.

Vendas estratégicas.

Por vezes é possível fazer vendas dentro de uma indústria de forma acelerar as vendas, e desta forma pode ser possível transformar concorrentes em aliados. Em vez de competir com outros leaders de mercado, formar uma parceria estratégica e revender aos clientes do parceiro.

Acompanhar resultados.

Mesmo quando as vendas estão a correr bem, é importante acompanhar os números de forma atenta. Manter uma observação próxima da evolução do negócio é a única forma de acompanhar o crescimento, alimentando-o corretamente.

Um software de faturação é essencial ao desenvolvimento da empresa, nomeadamente tendo acesso a relatórios de gestão que permitem acompanhar as principais key metrics.

Contratar as pessoas certas.

Na contratação devem ter em conta o equilíbrio das equipas. O talento é essencial para o desenvolvimento de uma empresa mas apenas leva as empresas até um certo ponto.

Para crescer as empresas têm de arriscar em alguns passos menos convencionais, são esses voos que as tornam matéria referências e possibilitam um real crescimento.

 

Fiscalidade

Alerta, julho: nova versão do documento SAF-T!

Com o aproximar do mês de Julho, as empresas devem estar preparadas para a mudança que se aproxima com a nova versão dos ficheiros SAF-T.

Estes ficheiros XML são exportados todos os meses até dia 20 para a Autoridade Tributária e contêm toda a informação sobre a faturação da empresa.

A nível da obrigação também existe uma mudança, com todos os sujeitos passivos de IRC que exerçam atividade comercial, industrial, agrícola em território português a estarem obrigados a exportarem estes ficheiros.

É fundamental que estes ficheiros estejam atualizados para que a exatidão da informação submetida não seja colocada em causa.

Consequências do uso de ficheiros SAF-T desatualizados.

As penalizações na lei são sempre de evitar e podem oscilar entre os 200€ e os 10 000€. Outro efeito grave é o consequente mau preenchimento dos anexos A e/ou IES, o que pode levar a auditorias tributárias a todas as operações da empresa.

Software certificado.

Poder contar com um software certificado é importante mais do que nunca, para que receba as atualizações necessárias ao longo do tempo.

Validador.

A Sage criou o Sage e-Audytor, um validador onde é possível verificarem se os vossos ficheiros possuem a nova atualização. Apenas com esta ferramenta é possível converter os ficheiros XML numa forma legível, testando a compatibilidade com a solução de faturação.

Caso obtenham um relatório de erros, o segundo passo será contactarem o vosso contabilista ou a empresa de software. Até dia 1 de Julho estejam preparados e evitem dificuldades para as vossas empresas: saibam como aqui.