Browsing Tag

Online

Faturação

Quais os elementos fundamentais para o sucesso de uma startup?

Quando analisamos casos de startups que foram bem sucedidas e casos de insucesso, claramente conseguimos destacar 5 fatores. A ideia inicial, a equipa que vai colocar em prática, o modelo de negócio escolhido, o financiamento e o timing.

Normalmente veneramos a ideia, tendemos a valorizar a criatividade e a forma como algumas pessoas resolvem problemas  que a maioria de nós, não sabia ter. Uma equipa de confiança e que tenha algum poder de adaptabilidade  à realidade é essencial.  Perante a realidade dos consumidores é importante fazer adaptações nos primeiros tempos.

O modelo de negócio embora importante para o sucesso, pode ser definido e adaptado num segundo momento e o financiamento é obviamente relevante, embora não seja tanto uma questão de valor. Por último, o timing da ideia. Há que analisar vários indicadores de forma a avaliar se estão reunidas as condições necessárias para que a ideia triunfe.

O principal fator para o sucesso.

Por estranho que parece o principal fator para o sucesso é o timimg. É mais fácil percebermos como o sentido de oportunidade é fundamental se analisarmos alguns casos reais.

Airbnb é uma das empresas melhor sucedidas nos últimos anos, e no entanto foram muitos os investidores que se recusaram a investir. A quase todos pareceu estranho que pessoas estivessem dispostas a alugar espaço em suas casas a estranhos e o timing em que a empresa se lançou foi decisivo.

A empresa surge no inicio da crise econômica, e a necessidade de rendimentos extra fez com que muitas pessoas colocassem de lado as possíveis objeções. Da mesma forma a Uber surge numa altura em que desemprego e perda de rendimentos permitiram que existissem muitas pessoas disponíveis para trabalhar por um rendimento extra.

Um exemplo de fracasso é a empresa Z.online dedicada ao entretenimento .A empresa surge em 1999e em 2003 encerrava. A internet ainda não chegava a tantos lares e o visionamento de videos trazia alguns problemas técnicos mais tarde resolvidos. Em 2005, apenas dois anos depois surge a empresa YouTube e em apenas um curto espaço de tempo a internet chegava a 50% das casas nos Estados Unidos.

Contar com software de faturação adaptável à escala da empresa, e a com a ….

Analisar as condições.

Seja qual for o projeto, há que analisar todos os indicadores forma objetiva, perceber se os consumidores estão preparados e as condições reunidas. Resistir ao impulso de dar forma a boa ideia, se o timing não for o certo.

 

 

Recursos Humanos

Desafios do trabalho remoto

Cada vez mais as empresas recorrem a trabalhadores à distância que, em geral, são mais produtivos, não passam por dificuldades de adaptação comuns a um local novo ou a colegas de trabalho desconhecidos e cada um com os seus hábitos.

Para os funcionários torna-se mais fácil equilibrar a vida pessoal e o trabalho ao disporem de horas mais flexíveis e poderem trabalhar em qualquer local.

Existe a perda da possibilidade de brainstorming, da construção de uma coesão de equipas e mesmo as ligações que se estabelecem entre colaboradores são fundamentais para um melhor rendimento. Para as empresas, isto implica novos desafios de adaptação a esta realidade.

Reuniões regulares.

As ferramentas de gestão auxiliam e, de certa forma, orientam os novos colaboradores, simplificando o trabalho. Mas vão sempre surgir dúvidas no decorrer do trabalho.

É importante antecipar a necessidade de comunicação e esclarecimento de dúvidas e, como tal, estabelecer reuniões com alguma regularidade pode ser uma forma de resolver as dúvidas que se vão colocando.

Outras medidas passam por identificar quem faz melhor o trabalho de acolhimento, assim como criar um sistema de mentores, colocando um novo trabalhador a trabalhar junto a alguém mais experiente na empresa.

Esta colaboração próxima permite o aconselhamento, a partilha de conhecimento institucional e uma ligação mais pessoal dentro da empresa.

O apoio de um software de recursos humanos permite fazer um acompanhamento destes colaboradores que, ausentes do escritório, podem facilmente ser esquecidos. Consegue-se uma automatização dos processos salariais, bem como uma gestão de avaliação e competências.

Espírito de equipa.

Para os trabalhadores remotos não existe a oportunidade de confraternizar de forma casual com outros colegas, sendo que uma apresentação formal pode ser preferível.

Procurem criar uma atmosfera em que as reuniões sejam um ponto de encontro entre os trabalhadores do escritório e os que trabalham à distância. Estes encontros ajudam a fomentar uma relação de entreajuda, com uma cultura de transparência e comunicação.

Formação contínua.

Investir em programas de formação é ainda mais importante quando se trata de trabalhadores à distância. É uma forma inequívoca da empresa demonstrar que se importa com esses colaboradores e que aposta no seu desempenho e futuro.

Criem oportunidades para que participem em conferências e congressos relevantes para a área em que trabalham ou financiem formação académica relevante.

Cada empresa tem diferentes possibilidades: importa demonstrar interesse pelo percurso dos colaboradores e entender que apostar no seu progresso é uma forma de apostar na empresa.

 

 

BMS

Ter os dados em segurança

A proteção de dados é um tema cada vez mais premente na vida das empresas. O trabalho à distância e o acesso a informação através de equipamentos não protegidos levantam novas preocupações que importa abordar.

Neste artigo vamos apresentar algumas sugestões sobre como proteger os dados.

Analisem o ambiente, procurando identificar quais as debilidades da empresa a nível de estruturas de TI, nas políticas da companhia ou nas práticas dos colaboradores. Existem muitas vezes pequenos gestos que, de uma forma inconsciente, colocam em risco toda a integridade da informação.

Eduquem os colaboradores num conjunto de boas práticas que evitem colocar a informação em risco. Não acedam a informação através de equipamentos pessoais sem proteção nem instalem programas sem autorização de TI.

Estabeleçam um rigoroso controlo da informação que pode ser descarregada, criando um sistema de segurança. Protejam, principalmente, tudo o que tenha a ver com estratégia, utilizando sistemas que identificam quem acede à documentação e em que momentos.

Estas normas de acesso protegem a informação mais importante da empresa e, em caso de fuga de informação, permite responsabilizar quem tinha acesso privilegiado.

Estabeleçam senhas eficazes com letras e dígitos e evitem que os colaboradores continuem durante anos com as mesmas senhas.

Tenham o software sempre atualizado: os programas devem ser sempre os mais atuais, o que irá trazer maior segurança. Uma das funções das atualizações consiste em fechar brechas na segurança, corrigindo alguns danos que possam ter sido feitos.

Faturação

Como renovar a presença online do negócio em 6 passos

Todas as empresas desejam ter uma forte presença online e serem facilmente encontradas pelos seus clientes, algo que com alguns passos se pode tornar em realidade. Importa otimizar a presença do negócio de diferentes formas com as seguintes sugestões.

Dados atualizados.

Mantenham sempre os vossos dados atualizados nos diretórios, para que clientes e consumidores não tenham dificuldades em encontrar o vosso negócio. Criem uma normalização da informação, para que os mesmos dados e a forma como estão escritos surjam em diferentes diretórios sempre corretos.

Conteúdos partilháveis.

Quanto mais for apreciado um conteúdo, mais possibilidade tem de ser partilhado, seja através da publicação de um blog ou de um vídeo. Conteúdos positivos e com mensagens inspiradoras são geralmente populares e geram visionamentos, comentários, o que por sua vez resulta em tráfego.

Os motores de busca começarão a considerar o vosso site como relevante, o que irá aumentar o SEO ranking da vossa empresa.

Palavras-chave.

Pensem nas palavras-chave que podem ser procuradas e que tenham relação com a empresa. Palavras que descrevam a vossa empresa ou que sejam utilizadas por consumidores para descrever empresas como a vossa.

Analisem os conteúdos e coloquem-nos em sintonia com essas palavras. É também boa ideia colocar estas palavras em títulos, headers e, idealmente, no url.

Críticas de clientes.

Ter disponíveis críticas de clientes é significativo para um pequeno negócio, uma vez que transmite confiança e são um incentivo ao consumo para outros clientes. A imagem de confiança do vosso negócio ou serviço dará um novo impulso ao projeto nos motores de busca.

Estratégia nas redes sociais.

Um pequeno negócio muitas vezes não tem os meios para gerir um website e a alternativa passa por ter uma presença forte nas redes sociais, investir numa relação com os clientes e passar informação sobre a empresa de forma fluída.

Faturação

Os novos consumidores: a Geração C

Atenção, Geração X, Y e Z! Há uma nova geração a emergir: a Geração C. E quem faz parte da Geração C tem em comum o facto de serem nativos digitais e tecnologicamente desenvolvidos. Ao contrário das gerações anteriores, não partilham a mesma faixa etária: tanto podem ter 15 anos ou 85. Nem fatores socioeconómicos ou geográficos. E o que significa o C? Conectados.

Redes sociais, gadgetswireless permitem à Geração C partilhar dados e informações através da internet. Pondo isto em perspetiva, partilhamos alguns dados sobre os seus hábitos:

  • Amor à criação de conteúdo, potenciado pelos novos gadgets tecnológicos mais recentes e incentivados pelas empresas a partilharem as suas habilidades criativas.
  • Tendência para participar ativamente em comunidades. A Geração C quer pertencer a uma comunidade, especificamente a uma que seja online. A maioria dos membros nunca esteve noutra realidade que não a era digital: todos utilizam meios digitais para se manterem em contacto com família, amigos, parceiros de negócios e pessoas com os mesmos interesses.
  • Gravitação em torno de redes sociais. É aqui que podem participar em debates e defender novas ideias, envolvendo-se cada vez mais na comunidade online. A informação e a partilha decorre aqui: é onde tomam contacto com as causas que mais tarde se tornam as suas.
  • Desejo de controlar tudo. O acesso fácil à informação permite à Geração C controlar a sua própria vida em todos os momentos e sentem-se capacitados para lidar com a complexidade inerente.
  • Vontade de trabalhar em indústrias criativas. Estar restringido a uma estrutura rígida não é para a Geração C.

Como é a Geração C enquanto consumidores?

Existem algumas características que separam a Geração C de outras, quando nos referimos aos consumos que fazem. Comparam preços online, procuram produtos através dos websites e apps, lêem reviews dos produtos nos meios digitais e utilizam-nos para procurar serviços – como a restauração -, nas imediações de onde se encontram.

O que significa isto para os donos de restaurantes e outros negócios?

Que têm de repensar a maneira como o vosso negócio está projetado: o foco deve ser em atrair consumidores e criar uma relação com eles através de uma abordagem personalizada. Cada um deve receber da vossa parte mensagens customizadas e sentir-se envolvido com o negócio através do vosso comportamento. E esta é apenas a primeira parte: os canais de comunicação e suporte devem fazer parte do processo.

Otimizem os processos dentro do vosso negócio, contando com a ajuda de um softwarede faturação que opere com rapidez e facilidade: conheçam as soluções Sage!