Browsing Tag

SageX3

BMS Gestão de Empresas

Novas tendências nas compras online

As compras online ocupam cada vez um espaço maior no consumo, o retalho tradicional não consegue contrariar esta tendência e até certo ponto começou a incorporar na sua estratégia a existência de lojas online como um complemento ao retalho.

Num mercado de mudanças rápidas, podemos detetar 3 tendências importantes que todos os empresários devem acompanhar.

Personalização.

Criar produtos ou serviços personalizados para os clientes é uma das tendências mais importantes. Esta tendência reflete-se em produtos adaptados perfeitamente ao gosto,  tamanho, ou até em edições especiais assinalando momento importantes.

O mobile torna-se a referência.

65% das compras durante a Black Friday foram feitas através do acesso móvel e pensa-se que irá continuar a aumentar. Sites adaptados à experiência móvel e telefones mais evoluídos contribuem para este crescimento imparável. Outra tendência a acompanhar, o Voice Commerce, promete trazer uma revolução com softwares como Siri, Alexa ou Google Now, a possibilitarem compras através de comandos de voz.

Comprar sem deixar a App.

Até há pouco tempo comprar enquanto se estava numa App social era complicado. Acabávamos por ter uma experiência semelhante a quando se passeia numa zona com lojas encerradas, onde olhamos para os produtos em montras, mas as lojas estão encerradas e não podemos comprar.

As aplicações perceberam o problema e evoluíram, Facebook, Instagram ou Pinterest encontraram soluções para que se possa comprar sem necessidade de abandonar a App. O objetivo é sempre incentivar à compra por impulso, não dando tempo aos utilizadores de pensarem longamente sobre a compra.

Software integrado para acompanhar todos os processos.

SageX3 disponibiliza uma vasta gama de funcionalidades integradas, permitindo a integração de aplicações especializadas Sage e de parceiros certificados.

Acompanhem todos os processos da empresa, da compra online ao stock em armazém, da gestão financeira à produção e distribuição.

Cada vez é mais importante conseguir ter uma visão completa da empresa, respondendo aos impulsos de compra dos consumidores e adaptando a resposta da empresa às necessidades do momento.

BMS Gestão de Empresas

Mudanças de CEO em empresas marcantes

O ano que passou foi palco de grandes mudanças em algumas das empresas mais marcantes, com saídas de lideres históricos dessas empresas. Neste artigo vamos ver alguns dos casos mais populares, e o que podemos aprender com estes casos.

Provavelmente um dos casos mais discutido de 2017, estão relacionados com a empresa c Uber. Uma série de escândalos mediáticos acabaram por ditar o afastamento do CEO, Travis Kalanick.

Polémicas mediáticas.

Depois de o CEO se ter mostrado como conselheiro económico do Presidente Donald Trump, a disponibilidade da empresa para romper o bloqueio de taxistas relacionado com os protesto após  Travel ban, deram origem a uma campanha mediática sob o lema #DeleteUber.

Em fevereiro a empresa estava envolvida em novo escândalo com o relato de uma antiga engenheira denunciando a situação de assédio sexual e discriminação na empresa. No seguimento de uma investigação, mais de 20 funcionários foram despedidos com uma completa remodelação dos valores de empresa.  acabou por se retirar, embora continuando membro do conselho.

Os mais críticos observaram que “quem semeia ventos, colhe tempestades” que a empresa procurou sempre o crescimento rápido e os resultados imediatos, sem preocupações com a segurança e respeito pelos seus colaboradores.

Resultados dúbios e uma compensação generosa.

A CEO da empresa Yahoo, Marissa Mayer, direcionou os investimentos para um maior foco no digital e no mobile , sem que tivessem conseguido atingir bons resultados.  A empresa sofreu várias quebras de segurança, colocando em causa a segurança de dados dos seus utilizadores. Com a venda da empresa, acabou por sair com um acordo generoso de 260 milhões de dólares.

Apesar de existirem dúvidas sobre a sua prestação, o seu afastamento resultou extremamente rentável. Podemos afirmar que nem sempre os resultados atingidos dependem diretamente do mérito, as circunstâncias do momento são muito importantes.

Subornos e uma condenação judicial.

Depois de 32 anos na empresa, o CEO da Samsung Electronics entregou a sua demissão após a prisão do herdeiro deste império. Condenado por corrupção, gerou um consternação no seio da empresa.

Ao entregar a sua demissão aludiu em comunicação interna sobre a necessidade de uma nova liderança para estes novos tempos de rápidas mudanças. Deste exemplo podemos apreender um exemplo de liderança forte, que compreende quando a empresa à qual dedicou a sua vida necessidade de uma visão, e de que essa visão terá de vir de alguém mais jovem.

Liderança com transparência e responsabilidade.

SageX3 está a mudar a forma como as empresas competem e crescem, proporcionando uma gestão mais rápido, simples e flexível a nível financeiro, cadeia de suprimentos e produção, tudo isso por uma fração do custo e da complexidade dos típicos sistemas empresariais de ERP. 

Os caminhos e decisões de um CEO podem nem sempre ser fáceis, mas para gerir uma organização ágil, há que contar com um ERP de última geração, para tomar as melhores decisões e acompanhar todas as áreas da empresa de forma vigilante.

 

 

 

 

 

BMS

Melhorar a capacidade de liderança: equipas mais coesas

Algumas pessoas que nascem com características que as tornam naturalmente lideres, mas todos podemos melhorar as nossas capacidades de liderança se tomarmos atenção a alguns pontos.

Neste artigo vamos dar algumas sugestões sobre como melhorar de forma significativa a capacidade de liderança.

Um exemplo modelo.

Como líder todas as vossas ações serão escrutinadas pelos vossos colaboradores, e como tal devem tentar demonstrar as mesmas atitudes que gostariam de ver na vossa equipa. A importância do exemplo é bastante mais eficaz que qualquer código de conduta.

Manter uma atitude humilde e de constante reconhecimento do valor dos vossos colaboradores, não tenham receio de assumir responsabilidade por aquilo que corre menos bem, e de pedirem desculpa caso seja necessário. É assim que se cria um ambiente colaborativo, admitindo que existem falhas e que todos podemos cometer erros.

Uma boa comunicação.

Mantenham uma atitude de proximidade, de forma a que os funcionários sintam que podem discutir qualquer assunto convosco. Dediquem algum tempo em exclusivo para estas conversas e sejam discretos quanto ao seu teor. A confiança leva tempo a ser estabelecida e qualquer incidente pode destruir o bom entendimento alcançado.

Reconhecer as emoções.

Todos os negócios giram em torno de pessoas e as emoções e diferentes sensibilidades devem ser encaradas como parte essencial. Um bom líder reconhece as diferenças de personalidade e o historial de cada colaborador.

Incentivar a criatividade.

Expressem às vossas equipas que estão abertos a novas ideias, e quando confrontados com elas, ofereçam feedback e conselhos construtivos. Ao sentirem que participam de forma criativa, gera-se um envolvimento emocional e uma sensação de compromisso.

Da mesma forma que criar novos desafios é essencial para manter o trabalho dinâmico. Propor mudanças de funções a nível interno e combater de todas as formas o instalar de rotinas.

Conheçam a vossa equipa.

Saibam os nomes dos vossos colaboradores, mas também quem são as suas famílias ou atividades recreativas a que dedicam tempo. Mostrar interesse e recordar algumas informações chave, são elementos que no decorrer de um dialogo estabelecem uma conexão. É natural que não se recordem de tudo, por isso criar algumas notas com estas informações será muito útil a longo prazo.

Liderar a equipa e gerir de forma eficaz a sua empresa.

Empresas com alguma dimensão necessitam de poder contar com um ERP  que permita uma gestão financeira. Com Sage X3 as empresas passam a contar com uma estrutura de contabilidade financeira flexível e abrangente que inclui, desde gestão de pessoal, contabilidade, custos e orçamento, compromissos e ativos fixos.

O sucesso das empresas e o seu futuro dependem de uma boa liderança, capaz de criar equipas coesas, e de uma boa gestão com um software que permita agilidade e controlo de todos os processos.

 

 

 

 

BMS Gestão de Empresas

Preparar a internacionalização: algumas regras de etiqueta

Para se ser bem sucedido no mundo internacional dos negócios é imprescindível compreender as profundas diferenças culturais entre países. Pequenos erros a nível de cortesia podem ser desastrosos, especialmente se ocorrerem numa fase inicial de negociação.

Mesmo os empresários que já atingiram algum sucesso devem ter conta estas diferenças ao lançarem o seu negócio internacionalmente. Neste artigo vamos ver alguns cuidados a ter, e diferenças culturais entre diferentes países. 

China, o mercado com o maior crescimento mundial.

Para iniciar uma relação comercial é obrigatório apresentar um presente e também faz parte do costume chinês recusar educadamente quando o presente é apresentado. Trata-se de uma formalidade, e depois de algumas recusas, o anfitrião irá finalmente aceitar o presente em causa. Demonstrar sofreguidão por um presente é considerada má educação.

Ao contrario do ocidente, não se usa o beijo ou abraço como forma de cumprimento, podendo ser considerado ofensivo. Também é considerada boa educação deixar os convidados ter a primazia à saída de encontros e reuniões.

Russia, beber para negociar.

A paciência é considerada uma virtude mas a pontualidade não. Chegar tarde é quase uma forma de estar, e as reuniões podem durar hora. Não é considerado aceitável sair antes do término da reunião. Muitas vezes a ingestão de álcool faz parte destas reuniões e não aceitar uma oferta pode ser considerado ofensivo, assim como cumprimentar com as mãos nos bolsos.

Japão, atenção aos pequenos gestos.

Para os Japoneses os cartões de visita são muito importantes, não deixem de levar bastantes para uma reunião. Lembrem-se que estes cartão representa o vosso projeto, devem por isso  estar traduzidos em inglês e em japonês. Quando se recebe um cartão, deve-se guardá-lo com consideração, amachucar ou riscar um cartão, é um gesto profundamente desrespeitoso.

Nem todos os japoneses se sentem confortáveis com um aperto de mão, é importante saber fazer uma vénia como cumprimento substituto.

Alemanha, respeito pela hierarquia.

Na Alemanha a hierarquia também é algo importante, presente até na entrada para uma sala de reuniões. Dar sempre prioridade à pessoa mais velha, seguido pelos restantes homens e depois pelas mulheres, caso tenham um estatuto semelhante.

Brasil, informal e formal ao mesmo tempo.

Ao contrário dos alemães, no Brasil é habitual alguma proximidade e manifestações físicas. Um abraço ou uma pancada nas costas são formas de cumprimento naturais em relações de negócios. Também é comum colocarem questões sobre a vida privada, tentando saber sobre a vida pessoal do interlocutor. As reuniões podem arrastar-se bastante, não existe uma preocupação com horários e produtividade como em outros países.

Internacionalização com o software Sage X3.

O ERP Sage X3 é extremamente configurável, podendo ser adaptado a requisitos empresariais específicos, e é o software ideal para empreender a expansão para novos mercados. Com um modelo de dados flexível que oferece capacidades para trabalhar com várias moedas, localizações, línguas e várias legislações. A aventura da internacionalização, pode então começar!

BMS

5 Qualidades essenciais para um bom líder

O que marca e define um grande líder, que qualidades o tornam especialmente preparado para gerir os destinos de uma empresa e motivar, orientar os colaboradores dessa empresa. Neste artigo vamos refletir sobre algumas das características principais para ser um bom líder.

Manter uma atitude focada.

Uma das características principais está relacionada com uma atitude de concentração. É importante manter o foco conseguindo selecionar o que é realmente importante do trivial. Parece simples, mas é bastante difícil no ambiente de trabalho em que estamos rodeados de solicitações e pedidos de todo o género.

Inspirar confiança.

É necessário que um líder uma visão clara dos seus objetivos e que a consiga transmitir, gerando empatia entre os funcionários. Uma atitude assertiva e ao mesmo tempo educada apenas pode ajudar a inspirar respeito e cooperação.

Transparência em todos os momentos.

A única forma de gerar e manter a confiança dos colaboradores passa por ter uma atitude de transparência. Admitir quando existem falhas, comunicando de forma verdadeira e evitando mal entendidos.

Integridade como lema.

Os colaboradores refletem os valores que os líderes inspiram, um comportamento menos ético só pode conduzir a longo prazo, à perda de talentos. A autenticidade em todas as interações, é algo que transporta valor para o negócio e cultura de empresa, com resultados muito benéficos.

Inspiração que contagia.

Ser um líder implica ter uma força motriz, mas a verdade é que ninguém se torna num líder se estiver só. Pelo caminho existiu sempre alguém, que ofereceu  conselhos úteis e  inspiração. Reconhecendo este facto, é também importante ajudar aqueles que se aproximam em busca de conselhos, devolvendo a ajuda recebida no passado.

Reunir estas características é fundamental quando se gere uma organização complexa, e é também  fundamental poder contar com um software de ERP quando se deseja gerir uma grande empresa.

Grandes líderes, grandes empresas.

Um software como Sage X3 foi pensado para a gestão integrada de grandes empresas, acelerando os principais processos empresarias e integrando das compras à produção, controlo de stocks, vendas ou assistência ao cliente numa única solução. As tarefas de liderança são simplificadas quando se pode basear decisões numa analise realizada em tempo real, com relatórios e informações detalhadas sobre custos e desempenho operacional de toda a empresa. Sejam líderes melhores com o apoio de Sage X3, e conduzam a vossa empresa ao seu máximo potencial.