Recursos Humanos

Os melhores colaboradores nem sempre têm os melhores currículos

Muitas vezes os recursos humanos deparam-se com dois tipos distintos de candidatos nas entrevistas para um emprego. Os candidatos com currículos perfeitos, e os candidatos que embora tenham atingido o mesmo nível de formação, frequentaram estabelecimentos de ensino menos célebres, ou tiveram de trabalhar enquanto estudavam para pagar os custos associados.

Um candidato com o currículo perfeito é quase sempre o selecionado, mas devemos colocar a questão de  como estas pessoas, oriundas de meios privilegiados reagem perante a adversidade.  Todo o seu percurso foi desenhado para o sucesso, rodeados de possibilidades e de um ambiente familiar encorajador.

Não retirando valor a estes candidatos, há que reconhecer que aqueles que conseguiram ultrapassar as dificuldades, são mais propensos a conseguirem lidar com as dificuldades, com a pressão do mundo dos negócios e a conseguirem superar a adversidade com bons resultados.

Grandes lideres com infâncias difíceis.

Fala-se bastante do stress pós-traumático mas existe também o chamado, crescimento pós traumático. Se analisarmos a biografias de grandes lideres, encontramos com frequência relatos de uma infância imersa em pobreza, abandono e até violência. Estima-se que 1/3 das crianças alvo de uma infância difícil conseguem ultrapassar o ciclo da pobreza.

Cerca de 35% dos empreendedores ligados a startups tecnológicas, têm dislexia. Estes indivíduos tiveram de arranjar estratégias para ultrapassar a dislexia e tornaram-se por isso melhores ouvintes, e mais atentos aos pormenores.

Trata-se de aceitar os traumas e dificuldades porque passaram, como uma parte natural do seu percurso. Decerta forma, a adversidade é em parte responsável por quem são hoje.

Melhores relações humanas.

Este indivíduos são sempre pessoas com forte sentido de comunicação, e com uma aptidão para estabelecer laço afetivos. A verdade é que ninguém triunfa sobre a adversidade completamente só. Tiveram de estabelecer laços de entre ajuda e despertar o interesse de outras pessoas, sejam investidores ou pessoas que desempenharam um papel de mentor.

Perante a desproteção social, estes indivíduos acreditam que o sucesso ou o fracasso apenas depende da sua performance, essa paixão e empenhamento são fundamentais para o desenvolvimento de uma empresa.

Como tal, é importante que os Recursos Humanos considerem estes candidatos e com o auxílio de um software de Recursos Humanos, acompanhem a evolução de todos os colaboradores. Com o tempo vai tornar-se obvio, que a opção por estes candidatos foi acertada, e o que o seu potencial de crescimento é superior ao de colaboradores com currículos perfeitos.

 

 

Artigos Relacionados

0 Comentários

Deixe um comentário